Palmas


Palmas foi fundada em 20 de maio de 1989, após varias disputas políticas desde os tempos da entrada dos Bandeirantes, as descobertas de minas de ouro, os primeiros indígenas, os viajantes estrangeiros e as lutas libertárias pela criação do Estado do Tocantins, antes parte esquecida  conhecida como Norte de Goiás.

Hoje considerada pelo IBGE, a capital que mais cresce no Brasil. Em dez anos, a cidade cresceu 66,23% chegando hoje com aproximadamente 230 mil habitantes, na sua maioria com faixa etária menos de 30 anos.

O nome da capital Palmas é uma homenagem á antiga São João da Palma, sede do primeiro movimento separatista do norte goiano, devido a grande quantidade de palmeiras que existe na região.

A última capital planejada do Século XX, que integra modernidade com preservação ambiental, atrai turistas de vários lugares do Mundo. Com uma área verde de 280m quadrado por habitante, é considerado uma das capitais mais verdes do país, contando com as áreas de Proteção Ambientais: APA Serra do Lajeado (Parque), APA Lago de Palmas e três parques urbanos; Cesamar, o Sussuapara e o João do Vale.

Palmas foi construída as margens do rio Tocantins, com a construção da Usina Luís Eduardo Magalhães em 2001,com sede em Lajeado,a 50 km de Palmas,que represou o Rio Tocantins.  O Lago possui uma extensão total de 172 km, compreendendo uma área de 630 km quadrados,  uma profundidade de 8 metros e banha seis municípios além de Palmas: Porto Nacional, Lajeado, Miracema, Tocantinia,Brejinho de Nazaré  e Ipueiras. A Potência instalada é de 902,5 MW. Só na capital, são 54 km de comprimento. O lago proporcionou a cidade opções de lazer e  entretenimento com algumas praias, a Graciosa ( praia artificial), Praia das Arnos, Praia do Prata, Praia do Buriti e Praia do Caju.

Palacinho da cultura: Museu Histórico do Tocantins, onde o visitante tem um acervo de painéis históricos e salas dedicadas às etnias indígenas do estado, tendo relíquias e artefatos lembrando que essa foi a primeira construção erguida na capital em 1989, onde abrigou a sede do Poder Executivo ate março de 1991. O gabinete do 1º governador foi preservado com suas características originais.

Casa Suçuapara: tombada pelo patrimônio municipal a casa foi erguida em 1987, com a função de sede da Fazenda Triangulo, primeira propriedade desapropriada para a implantação da cidade de Palmas, esta serviu ate 20 de maio de 1990 como sede do Governo Municipal e Legislativo Municipal hoje e um centro de pesquisa documental do município a Casa da Cultura.

Paço Municipal/Bosque dos Pioneiros: hoje essa área sedia o Governo Municipal e junto uma área de lazer com muito verde e ar puro, com um espaço para ser realizada uma feira noturna aos domingos e eventos de entretenimento.

Praça dos Girassóis: a maior praça urbana do mundo com 560 mil m² de extensão e um grande orgulho para os palmenses hoje abrigando os três poderes estaduais, alem de ter grande acervo cultural e sendo um museu a céu aberto e como ótimo opção de  lazer para a população, tendo em seu piso referencia as etnias indígenas do estado.

Palácio Araguaia: imponente pela sua beleza o palácio esta no centro da cidade de onde parte as principais avenidas da capital, suas colunas externas foram inspiradas nas ruínas da igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, em Natividade tendo ainda dois belos painéis pintados pelo artista goiano DJ Oliveira representando a conquista e a vitoria.

Memorial Coluna Prestes: projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer o espaço tem em seu acervo fotos e objetos dessa marcha feita por Luis Carlos Preste ao então norte goiano, uma linda escultura “o cavaleiro da esperança” de Mauricio Bentes e iluminação de Peter Gasper representando essa caminhada que ajudou a transforma a historia do Brasil como movimento tenentista entre 1925 e 1927, que veio a preparar a revolução de 1930.

Monumento aos 18 do Forte: composto por 18 dezoito esculturas que retrata a primeira movimentação tenentista com a revolta dos quartéis em oposição a Republica Velha, onde acuados por quatro mil soldados no Forte de Copacabana RJ, homens liderados pelo tenente Siqueira Campos e Eduardo Gomes dividem a bandeira em pedaços e decidem sair caminhando pela Av. Atlântica, em direção ao Palácio do Governo juntando se a eles um civil. Deles apenas os lideres Siqueira Campos e Eduardo Gomes sobrevivem.

 

Taquaruçu


O Vale do Taquaruçu e conhecido como a região serrana de Palmas, pela riqueza de sua vegetação e clima ameno (12° a 25°C). Das encostas das serras descem as águas formando os vários córregos e ribeirões atravessando o Vale por lajedos, gerando pequenas cachoeiras e remansos. Tudo isso com boa infraestrutura de apoio e de fácil acesso outro ponto forte do local e sua culinária com comidas típicas como a galinha caipira, chambari, carne de sol, arroz com pequi e outros havendo ainda feiras de comercialização dos produtos nos finais de semana, alem de ser hoje chamada de capital do turismo de aventura, onde o turista pode fazer um rapel em uma cachoeira de 70 m de altura, descer em uma tirolesa de 1.300 m de comprimento e andar por trilhas ecológicas. No período do carnaval uma mescla de folia com desfile anima a população, festivais como o  Festival de Inverno em Junho e em agosto o evento místico Movimento pela Vida.

Distancia de Palmas: 32 km

Cachoeira Roncador/escorrega macaco: lugar onde podemos apreciar duas quedas que impressionam pela sua altura uma com 50 m e outra com 70 m onde o turista tem a opção de fazer um rapel na cachoeira uma sensação fantástica.

Fazenda Encantada: uma fazenda pousada onde esta 6 lindas cachoeiras com trilhas lindas e com Cachoeira do Roncador/escorrega macaco: após uma leve trilha ecológica com cerca de 1.500 toda a infraestrutura de hospedagem e alimentação.

Vale do vai quem quer: um vale que tem quedas sucessivas de água em lajedos, local cercado por uma linda vegetação.

Cachoeira Taquaruçu: as margens da rodovia a cachoeira impressiona por sua formação uma queda de 40 m aonde a água vem descendo em um grande bloco de pedra sabão, formando uma imensa cortina de água nos períodos de chuvas.

Cachoeira do Evilson: queda d’água com cerca de 20 m com lindo poço em sua base local ideal para um mergulho e contemplação do local, cercada por uma mata ciliar linda propicia para a pratica do rapel.

Tirolesa voo do pontal: com 1.300m de comprimento em uma decida um passeio para contemplar toda a beleza do vale e curtir adrenalina que esta a 600m do nível do mar, e a 150m do chão.

 
CNPJ: 15.381.782/0001-23.
Cadastur 27.049434.10.0001-6.
Rua NC 16 QD.22 LT. 30 Setor Bela Vista.
Palmas - Tocantins.

Telefones:
+55 (63) 3225-0839 - Fixo
+55 (63) 98417-2602 - Oi
+55 (63) 99966-6026 - Vivo
+55 (63) 99283-9207 - WhatsApp

Pague com:



Pague com:



 
CNPJ: 15.381.782/0001-23.
Cadastur 27.049434.10.0001-6.
Rua NC 16 QD.22 LT. 30 Setor Bela Vista.
Palmas - Tocantins.

Telefones:
+55 (63) 3225-0839 - Fixo
+55 (63) 98417-2602 - Oi
+55 (63) 99966-6026 - Vivo
+55 (63) 99283-9207 - WhatsApp


Atendimento 24 horas
através do WhatsApp:
+55 63 99283-9207
Download Free Designs http://bigtheme.net/ Free Websites Templates